Match report: Manchester United 3-3 CSKA Moscou (UCL, Old Trafford, 3/11/2009)

We’ll never die, won’t we?

O Manchester United teima em buscar os resultados mesmo quando estes parecem perdidos. Novamente aconteceu hoje em Old Trafford. A consequência de tanto esforço foi a classificação antecipada para as oitavas de final da Champions League. E manter a invencibilidade em casa nunca é ruim.

Akinfeev, goleiro do CSKA Moscou, já esteve cotado para defender o United após a aposentadoria de Van der Sar. De fato, Sir Alex o citou no seu texto para o programa do jogo vendido na porta do estádio. E ele não decepcionou. Aliás, jogadores como Norman Whiteside e até Giggs já notaram a tendência do treinador em contratar quem atua bem contra o United.

Não se surpreendam se Akinfeev estiver com a camisa 1 na próxima temporada.

Com Rooney no banco, gostei da escalação. É sempre bom dar uma chance para Macheda, que poderia ter deixado sua marca se a bola não tivesse ido em direção a trave no segundo tempo.

Alguém contou quantas oportunidades o United perdeu nos 45 minutos finais? Foi um negócio assombroso. Macheda, Owen, Rooney, Valencia, Rooney de novo, Scholes…

Começo a achar que a tendência, com o passar do tempo, é que Ferguson teste Valencia e Obertan juntos com wingers. E mais uma vez Fletcher mostrou que importância tática que tem para essa equipe. Quando ele não está ali para roubar as bolas, o poder de marcação cai significativamente.

Vamos ser sinceros? Se o United repetisse esse jogo de hoje 10 vezes contra o CSKA, muito provavelmente venceria nove. Foi um bombardeio e sem Giggs, Berbatov e com Owen e Evra por apenas 30 minutos.

Importante ressaltar duas coisas:

1. Fabio precisa aprender a cruzar.

2. Ninguém em todo elenco cruza tão bem quanto Gary Neville. Que nos 20 minutos finais jogou de winger praticamente.

A atuação defensiva foi desastrosa. Evans e Brown apanhados dormindo nos dois primeiros gols e Fabio não alcançou cruzamento no segundo pau no terceiro. Para enfrentar CSKA Chelski, domingo, os zagueiros têm de jogar muito, mas muito melhor. Esperamos que Rio e Vidic voltem.

Só achei estranho a Uefa escalar Mr.Magoo para apitar o jogo. Olegário Benquerança é o nome do idiota. Como ele não viu o pênalti em Fletcher mo início do segundo tempo, é algo que foge à compreensão. Uma besta completa.

Anúncios

2 Respostas para “Match report: Manchester United 3-3 CSKA Moscou (UCL, Old Trafford, 3/11/2009)

  1. Quando vi que estava 3 a 1 não me preocupei, pois ganhei um grau de confiança tão grande nesse clube que adversidaddes servem para serem transpostas.
    Concordo em tudo que disseste, especiamente nas chances perdidas.

  2. E além de tudo, os Scousers estão quase fora da Champions!!! Que presente..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s