Caminho aberto na UCL

Entre todas as combinações possíveis, o United ficou com a melhor.

Claro que chega um momento em que todas as equipes oferecem algum perigo, mas algumas mais do que outras. Do quartero teoricamente mais perigoso, o time de Alex Ferguson pegaria apenas um deles em uma hipotética final.

Se a única desvantagem é decidir fora de casa tanto nas quartas quanto na semi, é melhor enfrentar Porto, Villarreal ou Arsenal do que Barcelona-Li******l-CSKA Chelski-Bayern de Munique.

O Porto tem uma equipe acertada e um artilheiro que pelo menos na Champions League está em boa forma. Mas entre os sete adversários possíveis para o United, seria quem eu escolheria. A defesa não é lá essas coisas. Tinham elenco pior do que o Atlético de Madrid mas passaram. O gol de Costinha há cinco anos ainda me dá calafrios, mas não dá para temê-los.

Na semifinal, Villarreal ou Arsenal. Os espanhóis já enfrentaram o United quatro vezes pelo torneio. Quatro jogos 0 a 0. Mas os Reds deveriam ter vencido três deles, dois no campo do Submarino Amarelo. O Arsenal tem uma equipe veloz, perigosa, mas inexperiente. Melhor pegá-los do que os dois outros ingleses que estão na competição.

Teoricamente, o caminho para a final está aberto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s