“Em Manchester, me sinto em casa”

Trecho de entrevista de Cristiano Ronaldo para a MUTV, também publicada no site oficial do Manchester United. O entrevistador foi Stewart Gardner.

 

Pouco depois da final da Champions League, houve exaustiva especualação quanto ao seu futuro. Os torcedores estavam claramente preocupados. Olhando para trás agora, pode dizer o que aconteceu?

Sempre existe especulação, não apenas a meu respeito, mas sobre o futuro de vários jogadores ao redor do mundo. No último verão, estavam falando sobre mim e era normal pelo que fiz na última temporada. O que estão dizendo agora (nova especulação sobre um acordo com o Real Madrid) não é verdade. Quem diz o contrário é um mentiroso porque estou feliz no clube e quero ficar. Sinto-me em casa. Estou muito feliz.

Você ficou preocupado sobre como os torcedores reagiriam após todas as histórias publicadas antes do início do campeonato?

Para ser honesto, não, porque acho que as pessoas não se esquecem tão rápido o que você faz pelo clube. Quando cheguei ao estádio para jogar contra o Villarreal (o primeiro que participou neste tamporada), senti um pouco de pressão. Mas os torcedores foram muito bons comigo e é por isso que acho que eles são incríveis. Eu os adoro porque eles têm sido brilhantes comigo não apenas nesta, mas em todas as temporadas. Como já disse antes, me sinto em casa em Manchester.

Sir Alex foi conversar com você em Lisboa antes da temporada. O quanto ele e este encontro  foi importante em todo esse processo?

The boss é sempre muito importante para mim. Não apenas na última, mas em todas as temporadas. Estou aqui por causa dele. Ele me viu em poucos jogos antes de enfrentar o Manchester United e as pessoas pensam que fui contratado porque joguei bem contra o United (em amistoso), mas não é verdade. Ele sempre me ajudou e disse a ele: “Eu quero fazer parte deste clube e vencer troféus com você”. Ele é muito importante para a minha carreira, Sir Alex Ferguson.

Você está apenas com 23 anos e conquistou muitas coisas e mesmo assim as pessoas dizem que seu auge será 27, 28 ou 29 anos. Quais são suas ambições para o futuro?

Idade não é importante no futebol, na minha opinião. Experiência, sim. Mas você ganha experiência se joga e tenho jogado muitas vezes no Manchester United ao lado de grandes jogadores e ganhado muitas coisas. Por isso acho que idade não é importante. O principal desafio agora é manter o mesmo nível que mostrei na última temporada. É isso o que estou tentando fazer e me sinto preparado. Minha ambição ainda é a mesma, meu caráter também  e sei o que posso fazer.

 

A entrevista completa foi transmitida pela MUTV hoje como parte de um programa chamado “Ronaldo’s year”. Infelizmente, não temos acesso no Brasil. Mas ela será veiculada na íntregra pela MU.tv na sexta-feira. Ela será reproduzida aqui assim que estiver no ar.

Anúncios

Uma resposta para ““Em Manchester, me sinto em casa”

  1. Se ele foi sincero em metade do que disse (o que acho difícil), ele permanece no United. Mas tem que começar a jogar bola. Não é nem sombra daquele jogador decisivo da tempoarada passada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s