Match report: Manchester United 1-1 CSKA Chelski – 6-5 nos pênaltis (UCL, 21/5/2008, Luzhniki Stadium)

Ronaldo sends the ball goalwards

Van der Sar saves to win it for Man Utd

Man Utd celebrate victory

Quem quiser utilizar os textos do Brazilian Red Devils, favor ter a decência de dar o crédito de onde tirou o texto. E isso de maneira clara e legível para todos os visitantes

 

Que prazer é esse de ganhar com requintes de drama?

O que quer que seja, por favor, United, KEEP IT COMING!

O lance da defesa de Van der Sar no chute do mercenário Anelka foi um dos melhores momentos da minha vida. Se existe algo de bom, é redenção. É sair de uma situação perdida para a glória final. Hope when everything seems lost. Porque dois minutos antes eu havia até deixado a TV no mudo porque não queria ouvir o som da festa do Chelsea quando Terry partiu para a cobrança.

E é bom lembrar outra coisa: Nani quase perdeu o quinto pênalti, o que também seria o fim da linha.

No pós-jogo, Avram Grant disse que o Chelsea foi amplamente superior. Imagino que o israelense não tenha visto a partida. Porque o Manchester United massacrou nos primeiros 45 minutos. Hargreaves jogou quase como winger, Brown passava por suas costas e, do outro lado, Ronaldo fazia o que queria com Essien. Não porque o ganês seja um jogador ruim. Muito pelo contrário. É excelente. Mas não é ala. E o camisa 7 de vermelho é o melhor jogador do planeta.

O United fez um mas poderia facilmente ter ido para o intervalo vencendo por 3 a 0. Foi desesperador ver o placar em 1 a 1. Um lance completamente fortuito, de video game, em que a bola sobrou livre para Lampard completar.

Os primeiros minutos foram nervosos, com os dois times com medo de errar e fazendo lançamentos em profundidade. Mas quando o United se acertou, foi um rolo compressor. Carrick e Scholes venceram fácil o duelo contra Ballack e Lampard.

O segundo tempo tudo mudou e aí foi o Chelsea quem poderia facilmente ter vencido. Não apenas eles melhoraram, mas Scholes cansou e Carrick passou a errar passes. O time insistia em atuar pelo lado direito mesmo com Hargreaves ausente no setor. E Ronaldo estava do lado esquerdo! Era só inverter a jogada.

Também houve outro problema grave: Rooney e Tevez. Os dois atuaram mal. De fato, eu acho que Carlitos foi pior que Wazza, que acabou saindo. Mas é curioso porque, na final de 1999, Cole e Yorke também deixaram muito a desejar. Antes, foi Kuffour quem anulou Cole. Agora foi Ricardo Carvalho quem controlou Rooney. Mas ao mesmo tempo, Vidic foi exemplar na marcação a Drogba. Man of the Match. Rio não ficou atrás, mas Nemanja foi sensacional.

O jogo parecia destinado ao drama e, para um momento tão importante, chances de gol foram criadas em número pouco comum. O gramado em Moscou parecia alto demais e por isso tantas cãimbras. E também escorregadio. Quantas vezes não vimos atletas das duas equipes tombando no chão. Até Van der Sar, em momento que Essien armava o chute. Se acertasse no alvo, era gol.

Quando terminou tempo regulamentar, quase já não tinha dedos para roer, que dirá unhas. Pensei que talvez os times baixassem um pouco a velocidade e jogassem pelos pênaltis. Mas Lampard enfiou bola no travessão e Giggs só não marcou porque Terry tirou quase em cima da linha.

Pena que Drogba foi expulso tão tarde porque com um a mais, o United poderia achar o segundo gol se forçasse e tivesse mais minutos.

Pênaltis.

Dear, oh dear…

Pensando agora no que aconteceu, parece que estive em alguns minutos de torpor. Lembro dos pênaltis, mas a ansiedade era tão grande que não conseguia vibrar.

Até que Ronaldo perdeu. Senti que tudo estava perdido.

A sorte colocou o Chelsea no jogo no momento em que o Man United era dono da situação. A mesma sorte que colocou o Santo Graal a caminho de Old Trafford. Escorregão… para fora!

Aí eu tive certeza! We’re going to win this game… o pênalti certo da vitória tinha que ser Giggs, 759 partidas com o manto sagrado. Lenda!

O pênalti errado tinha que ser de Anelka.

VAAAA DEEER SAAAAR!

A bandeira está até agora na janela da minha casa. Tinha que ser. Estava escrito. No dia da marca história de Giggsy, 50 anos depois de Munique (e com alguns dos sobreviventes em Moscou, vendo o confronto), 40 após a vitória em Wembley.

Tinha que ser.

Poderia escrever muito mais, porém ainda estou meio offside. Tenho mais três ales na geladeira esperando por mim e ainda muito por comemorar. Melhor beber e celebrar!

THIS IS OUR YEAR! WE’VE GOT OUR TROPHY BACK!

Vou encerrar com as imortais palavras de Sir Alex Ferguson após a final de 1999 em Barcelona:

“Football… bloody hell!”

@ Copyright Brazilian Red Devils – 2008

Anúncios

4 Respostas para “Match report: Manchester United 1-1 CSKA Chelski – 6-5 nos pênaltis (UCL, 21/5/2008, Luzhniki Stadium)

  1. Pensei a mesma coisa, Giggs…759 jogos, Munich fazendo 50 anos…era um ano pro United.

    We´ll never die..

  2. Congratulations my Devil friend. You guys deserve all the success your team had for this year.

    What can I say, waking up in 2.30am to watch perhaps one of the biggest CL Final of all time. It was worth it.

    I’m happy to see TEVEZ lifting that trohpy and it was proud moment for my self as Argentine supporters.

    Please check out the latest posting on my blog about this little fella.

    Would certainly appreciate you guys to give your thought about him or the game or even your feelings at this moment….

    http://mundoalbiceleste.blogspot.com/2008/05/tevez-is-champion-of-europe.html

  3. Impossível escrever alguma coisa ontem. Tô meio atônito até agora. Foi difícil (e muito) mas conquistamos o tão sonhado Santo Graal. Nada é fácil para o United. Jogo pra guardar na memória. Quando Terry partiu pra cobrança, já me resignava com o vice e procurava explicações para os inúmeros gols perdidos. Não era justo o United perder aquele título. Foi o melhor time da temporada e não merecia isso. Foi quando a maré virou completamente. Sair da lama para a glória num instante. Me veio na cabeça a incrível similaridade com o título de 1999. Assim é o United, já devia saber disso. Alguns detalhes da partida, porém não menos importantes. Foi de Giggs o gol do título. Ele foi o último a marcar, no dia em que quebrou o recorde, e numa final de UCL. Definitivamente, GIGGS = LENDA. Me chamou a atenção tb a humildade de B. Charlton que não permitiu que Platini colocasse a medalha em seu pescoço, dando a entender que a glória era dos jogadores e comissão técnica. Humildade comparável à sua grandeza como pessoa e como jogador. Lenda B. Charlton, o maior de todos os Red Devils. O título conquistado ontem tb é seu. Sobre Ferguson: o que dizer de um técnico que possui 29 títulos por um único clube? Sem comentários. Sobre Van Der Sar: o que é que esse cara ficou fazendo por tanto tempo esquecido no Fulham? Grande defesa, simplesmente a defesa do título. Desconcentrou o mercenário Anelka ao indicar o canto em que ia pular e jogou a pressão para os ombros do francês. Anelka não possui alma. É apenas mais um brinquedinho caro do mimado garotinho russo. Dinheiro não compra camisa, apenas mercenários. Vai tomando russo dos infernos. Sobre Ronaldo: fez uma ótima partida e chamou a responsabilidade pra si na maior parte do jogo. Foi um tormento para Essien & Cia. O penalti perdido não apaga o belo gol que ele fez durante a partida e nem os outros 42 ao longo da temporada. Alguém viu o Drogba? Falou demais e jogou pedra. Foi anulado por Vidic. Ferdinand, como sempre, tb jogou demais. Aliás, a defesa inteira foi bem, e mais uma vez tenho que tirar o chapéu para Evra. Deu um gol de presente para Giggs na prorrogação e esteve seguro na maior parte do jogo, marcando forte e saindo em velocidade. Hargreaves tb teve atuação excelente, ajudando a fechar o lado direito e apoiando com extrema categoria e velocidade. Somos campeões invictos, e o cálice sagrado está indo para Old Trafford. MANCHESTER THE RELIGION.

  4. Eu fiquei louco quando van der sar pegou aquele penalti, corri pra rua, gritei, meu Deus…. muito merecido! ano que vem tem mais!!! GLOOOOOOORYYYYYYYYYY

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s